Não, não me matem, não me matem, NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOOOOO!

by - 22:02

Oi pessoas! Eu sei, eu sei, eu sumi desde a primeira semana do ano, mesmo prometendo que ia fazer várias coisas e mesmo que tecnicamente janeiro seja o mês que eu posso escrever mais já que é o mês em que eu estou de férias (o que na verdade faz desse mês o mês que eu posso escrever menos, já que eu estou cheia de preguiça e sem dever de casa para não fazer "porque eu tinha que terminar esse post do blog.". Sério, eu deixo de fazer dever de casa por causa de posts do blog), mas na verdade eu tenho várias explicações lógicas e plausíveis para eu ter sumido.
Primeiro, uma parte da minha família da Bahia está aqui de visita o que me obriga a socializar, mais do que eu já socializo (E olha que eu sou uma pessoa social). Eu sai muito e realmente mal tive tempo de escrever, mas na verdade, mesmo no tempo que eu passei em casa teve algo mais sério acontecendo.
Como o povo que tá aqui desde 2012 blog sabe (na verdade eu acho que quem lia o blog em 2012 não lê mais, PORQUE NÉ), eu tenho depressão, e há um tempo eu tive algumas fase bem crítica onde eu sumi do blog por mais ou menos três meses. Em seguida eu entrei em uma boa fase, mas meu tratamento foi interrompido e mesmo que eu tenha conseguido ficar bem por um tempo, eu acabei meio que sucumbindo de novo no início desse ano. No sábado passado (dia 18), eu cheguei ao pior momento e voltei pro hospital. Na verdade, é meio como se por todo o ano passado eu tivesse aguentando as coisas que eu jurei que não voltariam a acontecer em 2013, mas como eu disse que não ia ter objetivos pra 2014, eu meio que deixei as coisas saírem de controle outra vez esse ano. Não é como se eu estivesse perfeita ano passado, mas uma parte de mim estava orgulhosa do progresso milimétrico que eu fiz e agora está preocupada que todo esse progresso tenha ido pro lixo. Mas relaxem, eu estou de volta ao tratamento agora e já tenho consulta marcada com um novo psiquiatra especializado em crianças (cuja clínica fica na esquina dos cafundó de Judas com o a rua principal de Nárnia, mas tudo bem porque esse aceita o plano de saúde e o outro corria o risco de deixar a gente desabrigado).
De qualquer jeito, eu passei vários dias sem conseguir escrever uma palavra e além dos dois posts daqui desse ano, que já tinham começado a ser escritos em 2013, eu não consegui completar um texto sequer esse ano, mesmo hoje já sendo dia 24. Eu tinha até tentando começar com tudo a revisão do meu livro, mas com isso tudo recomeçando eu nem pude. Agora que eu estou melhorando, eu vou dar uma organizada nos meus textos, colocar os posts que não foram postados em janeiro no Especial de Fevereiro (isso inclui As Crônicas de Kat, e um postzão do Diário de Bordo - que vai ser prolongado até bem depois do fim das minhas férias) e só depois, quando eu finalmente estiver tudo organizado (eu disse que ia ser responsável, eu vou me organizar), inclusive na escola, (terceiro ano, meus filhos) eu vou pegar meu livro outra vez e finalizar ele.
Isso deve (tá em itálico porque eu não posso dar certeza) acontecer a partir de março e eu realmente espero que eu finalmente consiga publicar ele nesse semestre e antes da Bienal do Livro de SP (meu plano é ir todos os dias pra Bienal com uma mochila cheia de cópias do meu livro, bottons e marca páginas - os dois últimos eu vou ter que bancar - vendendo todos até o fim do dia e usando uma parte do dinheiro pra comprar uns livros - de outros escritores, claro - pra mim :3). E meio que fugindo do assunto, mas não fugindo do assunto, eu quero recrutar alguns blogueiros literários que quiserem ser meus parceiros. Se vocês quiserem ser parceiros desse blog flop, entrem em contato comigo por qualquer lugar e eu logo logo posto um formulário para ser preenchido.
É isso galera, eu sei que pode ser meio decepcionante me ver passar por tudo isso de novo, mas é "uma luta diária" e sempre vai ter momentos em que eu recair. Mas aí o jeito é reconstruir tudo de novo... e de novo... e de novo, até eu ficar bem.
G.

P.S.: Caso vocês não achem que eu sofri o suficiente por não ter postado quase nada esse ano, olhem só o que aconteceu.

Saibam que eu sofri com isso, e muito, porque essa foi uma das coisas que eu jurei que JAMAIS voltaria a acontecer. E isso depois de ter tido um dia com 600 views. Ai que decepção, ai que desânimo, ai que badalo, ai que horror, ai que blog flop. Mereço isso.

You May Also Like

0 comentários