Diário de Bordo 5 - Velha demais para isso - Parte 7: Quando simplesmente não para de chover

by - 23:32

A menos que você seja completamente avoado, esteja morando em uma caverna ou seja sem noção, deve ter percebido uma coisinha: De dezembro para cá, o clima no mundo inteiro tem andado completamente insano. Onde eu moro, novembro foi um mês seco, apesar dos geógrafos da cidade terem previsto chuva, como normalmente acontece. Dezembro foi um mês absurdamente quente - não só aqui, mas em várias partes do mundo: Nova York passou o dia 25 de dezembro com temperaturas de em média 22º. Quando janeiro chegou as temperaturas caíram absurdamente - também em várias partes do mundo. Aqui choveu por quase duas semanas e as temperaturas estão mais baixas do que o limite aceitável (Eu amo frio, mas aqui fez calor em julho e frio em janeiro. Existem regras!!). Parou de chover regularmente no começo dessa semana, mas de vez em quando continuam acontecendo pancadas de chuva ocasionais e irritantes.
Não me entendam mal: Eu amo dias chuvosos e cinzentos, porque eles são muito inspiradores e tranquilos. Mas, como eu contei no post sobre a feira culinária, para ir até a cozinha de casa, eu preciso atravessar o quintal, ou seja, toda vez que eu quero comida, eu preciso me molhar completamente e deixar a entrada da casa dos fundos ensopada. É muito chaaaaatooooo. Passei quase 2 semanas sem sair de casa, o que seria maravilhoso, se eu morasse em outro lugar. Adianta você ficar em casa em um dia de chuva se não pode comer sem se molhar no processo? NÃO ADIANTA. De qualquer forma, como eu disse, eu passei quase duas semanas em casa (eu saí uma vez só e deu merda: leiam o último item da lista), o que significa que eu tive tempo de fazer um monte de coisa que eu não teria se tivesse saído de casa pra ser um humano normal. E aqui vai a lista de coisas que aconteceram enquanto eu estava doente, do começo ao fim:

Sempre soube que eu tinha um lado meio Jane.

Fiquei doente
Porque depois de dia quente, dia frio, dia quente, dia frio, UM MONTE DE CHUVA, dia frio, dia quente é óbvio que as doenças respiratórias ficaram tipo: CHAMOU?? O engraçado é que eu queria ficar doente no começo do mês, porque queria uma desculpa para não ficar pensando que deveria estar escrevendo e simplesmente ver os filmes e séries que eu queria muito ver. Mas a dor de garganta, dor de cabeça, frio não condizente com a situação da cidade e a fome absurda me atingiram no dia em que eu tinha que postar a Parte 6 do Diário de Bordo, que já estava um pouco atrasada.
Mesmo sem poder ver minhas séries, já que era pra ficar doente eu poderia pelo menos assumir a carapuça da doença e só fazer o que eu quisesse: Passei o dia inteiro no sofá (eu realmente fiquei tanto tempo sentada que um lado do meu corpo começou a incomodar e eu precisei deitar), com a manta que uso pra dormir e o notebook no colo. Fui produtiva, mas isso não me deixou feliz porque eu queria ficar doente justamente para não ter que ser produtiva. Ainda por cima, não consegui ver sequer um episódio de série o dia inteiro e perdi de novo a chance de chegar a 100% de assiduidade no Banco de Séries. E apesar de ter passado o dia inteiro cheia de fome, a única coisa que eu realmente me lembro de ter comido foi o brigadeiro/palha italiana de panela que eu obriguei minha irmã a fazer. Eu deveria ter almoçado, mas não deu muito certo. Também tomei bastante café, o que não deveria ter feito porque atacou o estômago e piorou a dor de garganta, porque era quente.
Quando eu consegui escrever tudo que eu precisava escrever, eu fui dormir prometendo que passaria o dia seguinte inteiro colocando minhas séries em dia, para curtir a doença. No dia seguinte, eu acordei bem melhor e com inspiração para escrever muito. Sinceramente, meu corpo e minha mente estão completamente contra mim, eu vou demitir os dois.

Conheci It Never Rains
(Só percebi a ironia no título do site depois desse parágrafo quase todo escrito). Eu estava no Facebook quando a página do NaNoToons (um site de quadrinhos sobre personagens que participam do NaNoWriMo escrito desde 2006) (sim, eu já li tudo e conheço os personagens pelo nome) apareceu e eu me dei conta de que não me lembrava como o plot de 2015 acabou. Depois de reler a última tirinha de 2015, eu percebi que o autor estava recomendando o site de uma amiga dele, que inclusive já ganhou prêmios e funciona com um plot complexo maravilhoso. Resolvi procurar e fiquei completamente encantada. Eu não sei o que eu poderia dizer sem ser spoiler, porque a própria Rose (a personagem principal da história) não gosta muito de falar sobre si mesma e sempre desvia o assunto, então contar qualquer coisa sobre ela seria estragar a história e a felicidade das descobertas. Eu passei mais de 4 horas na madrugada em que encontrei It Never Rains lendo todas as tirinhas publicadas entre 1º de março de 2014 e 21 de janeiro de 2016. Quando terminei, ainda assinei a mailing list, segui todas as redes sociais do site e sempre saio saltitando pela casa quando tem tirinha nova.
Aquela noite me fez perceber que eu sou tão apaixonadas por sites de história em quadrinhos que é surpreendente que eu não seja uma colecionadora louca de HQs. Quando eu era mais nova e só podia usar a internet 2 horas por dia, eu costumava pegar todos os livros de português da minha avó (ela era professora de português) e ler o livro inteiro, procurando as melhores tirinhas. Hoje em dia, meus blogs preferidos são os de tirinhas e sempre que eu acho um que tenha um plot, eu leio a história todinha. Sem contar que alguns dos ilustradores estão lançando livros com os plots (ou já são escritores) e eu quero todos os livros também. Eu consumi as 3 graphic novels que eu comprei na Bienal no mesmo dia. Todos esses fatos juntos me trouxeram outra coisa que vai me fazer gastar dinheiro em 2016, porque agora eu preciso de umas HQs legais.

Terminei a primeira temporada de Doctor Who
Ok, então eu tenho essa amiga que já foi citada aqui várias vezes e disse que vai precisar de um marcador só pra ela, que é bem louca por Doctor Who. Ela passou um monte de meses me convencendo (tentando convencer todo mundo, na verdade) a ver a série, mas como eu via muitas séries, fui enrolando. Um belo dia em novembro (eu sei que era novembro porque eu estava sem celular), estava caindo uma tempestade e eu precisava esperar ela passar para ligar o notebook. Como a TV estava ligada, fui passando pelos canais e vi que estava começando Doctor Who na Cultura. Resolvi assistir o episódio - que por sinal, tinha a Agatha Christie. PORQUE EU FAÇO ESSE TIPO DE COISA??? Resumindo: Eu vi alguns episódios da 4ª temporada e quando ela terminou, vi dois da 5ª. Eu já tinha decidido que começaria a série em algum momento, mas percebi que tava recebendo tanto spoiler que precisava começar a série do começo de uma vez. Baixei a primeira temporada toda e comecei a ver dia 30 de dezembro. A série é maravilhosa e muito divertida, mas apesar de ter sido avisada, eu não achava que fosse ficar tão mal já na primeira temporada. Eu chorei em vários episódios e eu não chorava com série desde que o Alaric morreu em TVD (só pra voltar 2 temporadas depois, eu NUNCA vou aceitar isso). Eu terminei a primeira temporada sexta-feira passada e no momento me encontro em uma abstinência intensa enquanto baixo a segunda temporada. Pelo menos, com as aulas voltando na semana que vem, a mesma amiga que me levou para o lado negro vai poder me passar os episódios da série, que ela tem baixados e organizados.

Terminei de assistir Carol (que tinha começado em dezembro) e revi episódios de The Vampire Diaries para lembrar o que tinha acontecido antes do hiatus
Quem passa um mês inteiro vendo um filme????? Eu comecei a ver Carol através de um link sem legenda que travava muito, porque o filme tinha acabado de vazar e nenhum site tinha o filme melhor, mas no dia eu fiquei com muito sono para ver o filme todo. Eu levei tanto tempo para assistir o final que quando consegui já tinha link bom e legenda melhor ainda. O filme, apesar do que pode parecer pela minha enrolação, é MUITO bom. É delicado, simples, com nada forçado. Eu achei que sabia o que esperar depois de ler uma review no BuzzFeed, mas eu fui surpreendida positivamente. Recomendo bastante. Eu verei outra vez no cinema (se chegar aqui).
E caso você seja uma das pessoas sortudas que não me conhece pessoalmente e não me segue em nenhuma rede social, provavelmente nunca me viu surtando e não sabe que depois de 3 temporadas de ???????, meu amor por The Vampire Diaries voltou com tudo. Eu amo Nina Dobrev, mas a verdade é que enquanto a Elena tava lá, a série estava se arrastando muito, com as mesmas histórias repetitivas e as mesmas brigas sem noção. Agora que ela saiu, os escritores da série se sentiram na obrigação de trabalhar mais na série e se dedicar um pouco mais do que se dedicavam. Resultado: A SÉTIMA TEMPORADA TÁ TÃO BOA QUANTO A TERCEIRA!!! SOCORRO!!!! A única coisa que eu to sentindo falta é de um vilão tão bom quanto o Klaus era (o Julian ainda não tá ruim o suficiente), mas vamos por partes. A série volta do hiatus de inverno amanhã e eu acabei revendo um monte de episódios da temporada nesse período. Eu realmente tava sentindo falta de amar tanto essa série de TV. É o primeiro ano desde 2012 que eu estou desesperada pela notícia da renovação, ao invés do cancelamento. Falemos sobre milagres.

YAY, ARRANJEI DESCULPA PRA COLOCAR GIF DE NORALISE NO POST.
Assistam a The Vampire Diaries, sério.
Fiz mapa astrais dos quatro personagens principais de Mais uma vez
Fazer mapa astral de personagem realmente vicia. Eu originalmente só fiz das minhas 3 personagens que tinham dia e hora de nascimento: Leigh (leonina com ascendente em sagitário e lua em aquário), Marlena (leonina com ascendente em escorpião e lua em aquário) e Kat (virginiana com ascendente em leão e lua em sagitário). Mas no sábado, as meninas do Sofredoras Anônimas começaram a fazer os mapas astrais das personagens delas e eu fui interpretando cada mapa astral, para que elas tivessem certeza que estavam no caminho certo. A gente ficou tanto tempo fazendo isso que eu acabei morrendo de vontade de fazer mais mapas astrais e fui arranjar horários de nascimento para os 4 personagens principais de MUV: Heather, Mike, Layla e Karina.
A Heather e o Mike tinham datas de aniversário definidas, então eu só precisava de horários que deixassem eles com os melhores ascendentes. Heather Richards acabou nascendo dia 18 de novembro de 1994 às 13:03 e sendo escorpiana, com ascendente em Aquário e lua em Touro. O mapa astral do Mike simplesmente não batia de jeito nenhum, não importa o quanto eu tentasse. E ele tinha que ser seis meses mais velho que a Heather, que tinha que ter nascido dia 18/11/94. Eu fui ficando bem frustrada, mas no fim achei uma combinação quase perfeita: Michael Leonards nasceu dia 18 de maio de 1994 às 3:13 e sendo taurinho, com ascendente em Peixes e lua em Leão. Algumas coisas ainda não combinam com a personalidade dele, mas com o meu mapa isso também acontece, então é isso.
Em seguida veio o mapa da Layla, uma das minhas personagens preferidas. Ela não tinha data, nem hora de nascimento ainda, mas a Heather fala sobre ser alguns meses mais nova que a Layla e eu queria que ela nascesse entre agosto e setembro e fosse virginiana. Aí aconteceu um negócio bem doido: Eu coloquei a data de nascimento dela 23 de agosto de 1994 às 8h, porque achei que o sol já tivesse entrado em virgem nesse dia. Ele não tinha: Layla acabou sendo leonina, com ascendente em Virgem e lua em Peixes. Acabou um mapa bem diferente do que eu queria, mas eu comecei a gritar pela casa, porque no exato oposto do que aconteceu com o Mike, o mapa da Layla era perfeito! Nunca houve personagem mais leonina com ascendente em virgem quanto a Layla. E ela ainda tem vênus em Libra!!!! Com um mapa desse até faz sentido que a Layla acredite em astrologia, porque né? Finalmente, era hora de Karina Sky. Eu já tinha escolhido uma data de nascimento para ela, mas acabei mudando por uma que achei que combinava mais. O mapa até ficou de acordo com o que eu queria, mas eu não posso contar. O fato de que ninguém sabe nada sobre ela é justamente um dos mistérios que atraem as pessoas para a Karina e contar qualquer coisa sobre ela além de nome e sobrenome seria spoiler. (Eu sei, cruel. Eu também estou doida pra poder falar dela e do mapa astral dela, mas realmente não posso. AJUDA LUCIANO).

Li os posts dos blogs das migas
Eu sou horrível mantendo leitura e comentários em blogs literários em dia. Meu cérebro é horrível se concentrando e às vezes eu passo HORAS com o blog aberto antes de conseguir ler um post. Ainda assim, tendo eu amigas maravilhosas que escrevem bem pra caramba e que acompanham o QaMdE assiduamente (a quem eu nunca poderei agradecer o bastante), eu precisava colocar a leitura do Delírios de uma Bookaholic, do Luftmensch, do Depois do etc e do Miss Bennet em dia. Enquanto eu escrevo esse post, ainda falta comentar 3 posts do Luft porque eu sou um ser humano horrível que estava com quase 10 posts não comentados. Mas YAY por ficar em casa e poder ler esses textos maravilhosos. Eu recomendo muito esses blogs, gente, vocês não estão entendendo como eles são bons, sério. Por isso eles estão na listinha aqui do lado >

Não sei, eu precisava de um gif aqui e na dúvida, escolha gifs de gatinhos.
Trabalhei em algo para o aniversário do blog
*Emoji do capetinha roxo* Eu tenho várias ideias para o aniversário do blog, afinal, 5 anos não são 5 dias. Não posso revelar a maioria delas ainda, mas vocês sabem que vai ter post e que a gente ainda está na campanha de 50 mil visualizações até dia 7 de fevereiro. A meta ainda está um pouco distante, mas o blog está recebendo uma atenção muito legal, então desistir é que eu não vou. A página do QaMdE no Facebook também está com quase 300 curtidas e eu estou querendo muito chamar mais atenção pra lá, só ainda não sei como.
Pra quem não sabe, todos os dias sem post novo, às 21h no horário de Brasília, eu estou postando listas temáticas com 5 posts do blog. Até agora já teve os 5 contos mais lidos do blog, os 5 posts mais lidos do Diário de Bordo, as 5 Resenhas Sem Crítica mais lidas do blog, os 5 posts mais importantes para entender o Quebrei a máquina de escrever e os 5 posts mais underrated do blog.
A última novidade sobre o blog desses dias de chuva é o fato de que Não sei, sou de Humanas alcançou o primeiro lugar dos posts mais lidos do blog, com uma folga grande do segundo e uma maior ainda do terceiro. Não faço ideia de como esse post acabou com mais de 500 visualizações, mas eu espero que ele tenha ajudado quem está pra entrar na faculdade porque um dos motivos para eu ter escrito tanto sobre a faculdade ano passado foi que essa galera pediu bastante.

Fiquei doente outra vez
Aqui vai uma coisa que eu sempre faço quando chove por tanto tempo que eu sou forçada a deixar minha caverna: Saio na chuva sem guarda-chuva. Desde que eu perdi meu guarda-chuva maravilhoso comprado em Petrópolis no ônibus, eu nunca mais voltei a amar um guarda-chuva, então não tenho guarda-chuva desde 2013. No sábado, eu precisei sair quando estava chovendo e tomei muita chuva. Já sabia que ia ficar doente outra vez. Eu prevejo esse tipo de coisa. Desde ontem minha garganta anda queimando e meu nariz sendo um desgraçado que só me incomoda. Eu também ando superinspirada e com personagens que não calam a boca. Mais uma vez, corpo e mente contra mim. Eu desisto.

Pausa pra eu lembrar se ficou alguma coisa sem ser dita.... Hmmm, talvez que os posts das próximas semanas serão em dias bem aleatórios (porque fevereiro está aí e em fevereiro eu sempre tenho muita coisa a dizer) e que apesar de eu ter planejado um post de volta às aulas para a semana que vem, eu só terei aula na quarta-feira, então minhas aulas só voltam mesmo dia 15. Ou seja, Diário de Bordo continua em clima de férias até depois do carnaval. YAY.
G.

You May Also Like

11 comentários

  1. Giu!
    O especial dos contos: o melhor, me apresentou Ultimo dia de inverno SOS tão fofinho e tô desenvolvendo amor/fascínio por fadas agora ahahah

    Ok, preciso ler esse post Não sei, sou de humanas outra vez por motivos óbvios.

    O clima tá muito louco, foram 16 dias seguidos de chuva, ou 17, estou em dúvida, no começo do mês. hoje caiu um toró d'água aqui... o que foi bom porque os dois últimos dias foram muito quente. eu tô falando do clima mesmo? ahahah também com o sono que tô nem sei como tô comentando...

    você falando do Luft <3 <3

    Melhoras com a gripe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lena!
      Adorei que UDDI te fez desenvolver um fascínio por fadas. Eu to cada vez mais convencida a voltar a esse universo. Não sei/lembro se você viu, mas eu disse no SA que tava pensando em usar ele, no livro que a Leigh escreveu em ALdR, que era sobre fadas. Veremos como isso funciona.
      Hahahaha Boa sorte com as aulas e com a faculdade, Lena. Vai dar tudo certo.
      O clima realmente está louco no Brasil inteiro, hoje ficou quente em vários lugares, mas aqui ainda tá bem frio. Não entendo essas coisas.
      Eu amo o Luft, sério. Continua escrevendo.

      Excluir
    2. Ah eu não vi, não. E parece muito bom isso :) SIIM

      Eu não aguento mais o calor que tá fazendo aqui, verdade. A tarde a sala fica quase insuportável porque o sol bate direto na janela e tal. Nem ia reclamar se fizesse frio, mas eu entendo que há regras, e que é melhor que no verão faça calor e no inverno frio e não o contrário como aconteceu.

      Obrigada, Giu! Eu espero que sim <3
      Preciso dizer que esse comentário foi muito importante pra eu ir escrever pro Luft ontem o Diário Semanal - que tá super atrasado. Obrigada, novamente :)

      (adoro o jeito que fica os comentários, aqui)

      Excluir
  2. Uma pausa para comentar que eu também fiquei doente por causa desse clima louco! Não fez frio aqui nesse inferninho que me encontro, mas choveu muito e foi uma boa deixa pra minha sinusite atacar com força!
    Espero que sua cabeça seja contraditoria na hora de fazer as coisas fa UESB, e vc pense "eu não quero fazer" e dê vontade (o que não acontece comigo).
    Tô feliz pq a única aula dessa semana será a melhor! Ñ ia aguentar certas professoras estragando o clima de carnaval!

    De qualquer forma, melhoras e inspiração!

    P.S.: vc só podereia ser de humanas!

    Bjs,

    Vic

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos nos abraçar, Vic. Eu não aguento essas coisas. Porque o clima não se controla?
      Na Uesb isso não acontece, só acontece quando eu to de férias. Queria tanto não ter nada pra fazer. Inclusive, não estou psicologicamente pronta para voltar a estudar. Cancela as aulas. Ainda bem que eu to com saudades de Elica ou eu ia matar qualquer professor que desse aula.
      Obrigada, melhoras pra você também.
      Hehehe, sou a própria humaninhas.
      Bj!

      Excluir
  3. oi g!
    *aquelas conversas sobre tempo no elevador* aqui também o tempo está ridículo e lembrei o quanto eu amo morar em apartamento, mas agora em moro em uma casa pelos próximos quatro anos AAAHHHH
    eu me sinto muito procrastinadora quando vejo que você já está assistindo Doctor Who e eu estou com ele pra assistir faz quase três anos e nada ainda, mas assistir Jessica Jones me deixou louca para ver Tennant nessa série.
    tirando a parte de ficar doente, eu espero que as minhas férias (nossa que palavra bonita) seja como as suas: seriados, filmes, escrever, mapa astral, repete.
    AAAAAAHHHHHHH NORALISE (olha o sorrisinho da mary lou ali OLHA ISSO SOCORRO NÃO CONSIGO
    e obrigada pelo jabá do blog no teu post hahaha
    (perdão pela falta de criatividade nos textões, prometo que assim que recuperar minha sanidade pós-final-de-semestre eu volto a comentar lindamente aqui!)

    beijos, tatii

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi tatii!!
      Eu mal vejo a hora de me mudar para apartamento, porque prédios são os melhores lugares para se estar em dias de chuva. Cadê março que não veeem??
      Eu realmente só comecei porque tava tomando muito spoiler e precisava começar. E agora to entrando em abstinência, porque é tão bom. Eu cheguei na primeira temporada do Tennant agora, QUERO MAIS.
      Minhas férias foram maravilhosas. Tem gente que reclama de não sair nas férias, mas a última coisa que eu queria nessas férias era sair (A menos que fosse pra viajar, mas eu não tinha dinheiro). Preferi essa rotina louca de seriados, filmes, escrever e mapa astral. Se eu tivesse lido mais seriam as melhores férias de todas.
      VOCÊ ME ENTENDE MUITO!! Sabia que você perceberia que o sorriso da Mary Lou é a parte mais importante do gif. A Nora maravilhosa, mas o sorriso da Mary Louise. PARA TUDO.
      Nada, estamos aqui para isso! E fica tranquila, to feliz por te ver aqui, mesmo nessa loucura de fim de semestre.
      Beeijo

      Excluir
  4. Eu lendo tudo isso, como uma pessoa de nem exatas nem humanas, só pude perceber como é complicado a pessoa se manter saudável tendo que se molhar toda vez que vai comer, e cheguei a conclusão que precisamos (muito) ver uma forma de estocar comida para você não se molhar sempre. E também, qualquer coisa que você estiver sentindo e eu puder ajudar, tá? Pode chamar, sempre. A chuva também me impediu de turistar esses dias, foi bem triste. Enfim, melhoras, G <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SIMMM, é muito complicado e chato. E ainda dificulta porque eu não posso ficar em jejum por muito tempo ou a azia ataca. Vamos arranjar essa forma de estocar comida, por favor, necessito. Pode deixar que qualquer coisa eu falo contigo e pergunto o que posso fazer. Odeio ir pro médico, ainda mais se for pra fazer as mesmas coisas de sempre. Chuva só atrapalhando vidas, eita. Obrigada, Jess<3

      Excluir
  5. Hey, Giulia!
    Realmente, choveu muito nesse último mês, e fez "frio", considerando que eu moro no rj e qualquer temperatura inferior a 27°C pra mim é frio.
    Você falando de Doctor Who, tenho amigas que assistem e falam muito sobre, só me dá curiosidade pra assistir a série, porque meu deus, nunca vi uma alma viva falando mal dela.
    Sobre esse clima novamente: te entendo, fico sempre resfriada quando isso acontece o que faz com que resfriado seja uma coisa que eu odeie com todas as minhas forças. Mas enfim, melhoras pra você!!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OOi,
      Saudades, Rio. Saudades calor de 40º e tudo abaixo de 30º sendo frio, aaaaaaaaaaahh.
      A série é muito boa MESMO, sério. Eu recomendo mil vezes se for necessário. Ela é meio longa, porque já tá indo pra 10ª temporada, mas vale a pena.
      Obrigada pelos desejos. Ninguém merece essas mudanças de clima não, bagunçam com o organismo da gente.
      Beijos.

      Excluir