Who Wouldn't...?

by - 19:14

Se eu tivesse que fazer uma lista das cinco coisas que me estressam mais, eu diria:

1. Eu mesma.
2. A sensação de incapacidade.
3. Bloqueio criativo e suas causas.
4. (segredo, porque tem gente que não devia me stalkeando - se quer saber pergunta no twitter que eu mando por DM)
5. Conhecer haters pessoalmente (virtualmente não me afeta).

Logo, imaginem a situação do ser vivo que vos fala, quando, depois de ter enfrentado uma virose (era uma virose, disseram que eu tava tendo uma crise de ansiedade [tô até tomando calmante, =P] mas depois minha mãe e minha professora de filosofia tiveram exatamente a mesma coisa e foi comprovado que era uma virose. O que não muda o fato de eu ter que comer direito agora. Que seja), estava tentando colocar as coisas no lugar, conseguir boas notas nas "segundas" provas, me dedicar ao meu blog e tudo mais, sou atacada por cinco das quatro coisas que me estressam mais de uma vez só?
Eu tive a semana mais estranha da minha vida. Muitas coisas esquisitas aconteceram. Outras coisas se fixaram também e quando parecia que tudo ia dar certo, vinha outra onda de estresse. Tipo, como vocês querem que uma pobre adolescente de 14 anos passe pelos estresses de ter uma vida como a minha sem ter uma crise emocional? (sentiram o drama? drama puro essa frase).
E justamente quando eu quero escrever e me dedicar ao meu lindo blog (já que o gráfico de visualizações só tá diminuindo de proporções), eu entro em uma nuvem de bloqueio criativo que vem junto com uma intensa nuvem de tédio que bate numa nuvem carregada de energia oposta de ansiedade que cria uma tempestade de "WHY ME?" e cria deslizamentos que destroem todo o meu mês preferido. (Que diabos de analogia foi essa?).
O que eu quero dizer é: "PORQUE EU?????", mas o que eu vou dizer é: "PORQUE EU?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?". Quer dizer, esse blog já é ruim o suficiente com os posts, sem eles quem é que vai perder tempo aqui? (alguém por favor comenta essa frase?!)
Mas o que me preocupa mais é fato de eu estar planejando há semanas fazer a continuação do conto da Elizabeth (Sem Título, aquele do facebook), no dia 14 (sábado, depois de amanhã) e até já tenho algumas idéias pra continuação do conto, mas já pensou se eu escrevo o início o empaco no meio do conto?!? Acho que eu tenho um surto e saio gritando pelo bairro. Se vocês vissem a droga de redação sobre sonhos que eu fiz hoje (claro que, eu sempre acho quase todas - vocês vão ler a exceção à regra no último livro da trilogia One More Time - as minhas redações uma droga, e algumas pessoas discordam, mas eu sei bem como algo que eu escrevo pode sair ruim), vocês entenderiam o sentido do meu medo.
Eu não quero decepcionar vocês sabe? Por mais que eu goste de só escrever quando eu sinto vontade (aah, quem eu estou tentando enganar, algo sempre me impede de escrever quando eu tô com vontade e quando posso escrever enrolo muito e tô com preguiça - that's my life) tem uma voz dentro de mim berrando "VOCÊ PRECISA ESCREVER ALGO INTERESSANTE LOGO GIULIA OU AS PESSOAS VÃO DESISTIR DE ENTRAR NA DROGA DO SEU BLOG!" (será que eu tenho dupla personalidade? talvez tenha..) e graças a esse maldito bloqueio criativo eu não consigo escrever nada! E eu não posso perder as pessoas que leem esse blog! (não gosto de dizer "meus leitores" assim como não gosto de me chamar de "escritora", quer dizer, urgh!). NÃO POSSO!
AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
Ok. Depois dessa eu tenho que perguntar: ainda tem alguém lendo isso aqui? Alôôô? Oie! *-* Se tem avisa nos comentários e eu faço um background perfeito e mando pra você, porque sinceramente, você merece um prêmio. (eu tô desesperada por atenção pelo visto..)
Ai, ai.. é isso. Tomara que eu ache minha criatividade perdida em algum lugar por aí entre hoje e sábado. Mas com certeza, eu vou escrever esse conto no sábado. Eu preciso. Por vocês.

Giulia =/

P.S.: COMENTEM! (please? .-.)

You May Also Like

0 comentários