Diário Artístico: We are insane

by - 01:06

Se eu achava que semana passada tinha sido uma semana louca, eu realmente não fazia ideia do que estava por vir. Enquanto eu escrevo isso vocês precisam entender que eu estou tão completamente bêbada por um sucesso que não esperava que perdi meio o controle de quem eu sou, então grandes chances de que esse post saia muito mais louco do que esperava. Mas vamos começar do começo ou eu vou deixar todo mundo tão louco quanto eu.
No 8º dia de NaNoWriMo, eu meio que me permiti folgar um pouco, mas acabei escrevendo 2,276 palavras porque só peguei o ritmo à noite. Foi um dia confuso e como eu ainda estava me sentindo mal da gripe, não me culpei tanto. Além disso, o dia 9 era feriado na minha cidade e eu aproveitei isso para começar o dia naquela mesma noite o que me rendeu mais de 3 mil ainda de madrugada e outros 2 mil de dia chegando a 5,221 palavras no dia e 37,036 no total. Parecia que eu ia recuperar o ritmo da primeira semana logo e eu me senti mais tranquila.
Aí o dia 10 chegou e me fez repensar isso. Resumindo a coisa toda, enquanto eu voltava para casa aquela manhã, eu tive uma crise de pânico como não tinha há um ano e meio com direito a colocar tudo que eu comi para fora do estômago, se vocês me permitem ser tão explícita. Enquanto eu dava um jeito nisso (aka falava com minhas médicas perguntando o que poderia fazer), eu optei por não escrever, já que o clima triste da cena onde eu estava só ia piorar como eu estava me sentindo. Nisso, eu acabei só com as 354 palavras que escrevi depois das 23h da noite anterior e de manhã na faculdade, totalizando 37,390.

Amigos e colegas de NaNoWriMo: We are insane.
No dia 11, eu ainda me sentia mal e não fui à faculdade por medo de me sentir tão mal quanto me sentira no dia anterior, mas tentei me forçar a escrever e consegui alcançar 1,059 palavras. Eu comecei a ficar com medo de que uma recaída dificultasse meu projeto, mas minha saúde está acima de qualquer outra coisa então eu foquei no que já tinha conseguido ao invés do que precisava consegui e torci para que no dia seguinte estivesse melhor. E eu estava, mas descobri que não estava nem um pouquinho a fim de lidar com o capítulo onde estava.
Na verdade, eu estava revesando entre dois capítulos, um mais tranquilo e um que pode fazer até quem não tem alma chorar (alguém captou a referência a As Crônicas de Kat?). Ainda estando me recuperando do que quer que tenha causado minhas crises (eu considerei que pudesse ser as cenas tristes do livro, mas ao mesmo tempo eu estava tão satisfeita com meu desempenho que eu desconsiderei isso), eu preferi focar no capítulo mais tranquilo. Nisso, eu tive uma ideia para uma cena que me perseguiu por horas e comecei a escrevê-la. O problema? Eu tenho certeza mais do que absoluta de que eu vou cortar essa cena durante a edição. Eu posso até ser a única que faz isso, mas muitas vezes enquanto eu estou escrevendo uma história que sei que vou ter que editar muito, eu escrevo algumas cenas simplesmente por impulso, porque elas parecem legais e me deixam feliz, mesmo sabendo que são bobas demais ou reveladoras demais para sobreviver. A cena principal que eu escrevi no capítulo 10 é assim. Ela sinceramente diz mais sobre mim do que sobre a personagem principal (apesar de dizer muito sobre a personagem principal) e por isso eu terei que cortar, mas escrever ela me deixou tão bem que por enquanto ela está no livro. Fechei o dia 12 com 3,057 palavras escritas no dia e 41,506 no total.
Dia 13, eu queria chegar a 45k, com louvor, mas diversas coisas colaboraram para que isso não acontecesse. Eu estava cansada e precisava escrever a crítica da semana da aula de Crítica Cinematográfica (O professor passou Cantando na Chuva e eu ainda estou no céu por isso). Dormi um pouco e fui escrever, mas pouco depois a notícia dos ataques em Paris chegaram a nosso conhecimento. Esse ataque e os outros que vieram à luz depois que ele aconteceu que tomaram conta da minha cabeça por horas. Tentei acompanhar as notícias por todos os meios possíveis por várias horas e assim como várias outras pessoas, mal consegui escrever direito. A sensação de impotência e de desilusão que toma conta da gente em momentos assim é completamente paralisante. Fechei o dia com 1,142 palavras que foram escritas aos poucos antes do ataque. Total de 42,648 palavras. Então chegou o dia 14.

Esta sou eu no dia 14.
O objetivo era justamente chegar aos 45k que eu não tinha conseguido chegar no dia anterior e se possível passar um pouco. Já tinha escrito um pouco mais de 1k de madrugada, só aleatoriamente, porque quis completar uma cena. De dia, eu cheguei a dizer no Twitter "Eu ia dizer que amanhã chego a 50k com certeza, mas considerando as merdas que já deram essa semana, melhor esperar para ver.". Ou seja, sem grandes expectativas. Mas também sem nada para fazer além de escrever. Eu já tinha pensado bastante no que queria nos próximos capítulos e estava mais do que pronta para escrevê-los. A escrita foi fluindo, foi fluindo, foi fluindo e quando eu vi estava com 6k faltando uma hora para o fim do dia. Como meu recorde de palavras em um dia (conquistado no dia 15/07/2014 durante o CampNaNoWriMo) era de 6,876 palavras eu resolvi que queria pelo menos passar dele e fiz um sprint de 30 minutos para isso acontecer. Quando esse sprint acabou eu tinha 7 mil palavras e estava perturbadoramente perto demais de 50 mil para não tentar essa meta meio louca. Então, às 22h54 (23h54 no horário de Brasília) eu alcancei 50,017 palavras vencendo o NaNoWriMo no 14º dia e batendo meu recorde pessoal com 7,369 palavras em apenas um dia. *PAUSA PARA O INTERNAL SCREAMING*
Eu tive uma das semanas mais loucas e fora de controle do ano, morri de medo de algumas coisas acontecerem e ainda assim cheguei a 50 mil palavras no meio do mês. CINQUENTA MIL PALAVRAS!!!! Cinquenta mil palavras não são 200 palavras, não são 1.000 palavras, não são 5.000 palavras SÃO CINQUENTA MIL PALAVRAS. SÃO PALAVRAS PRA CARAMBA. Eu nem vou tentar ser falsamente modesta, mas muito menos dizer que eu esperava por isso e sabia que eu ia conseguir algo assim. Esse livro tem estado no meu coração há pouco mais de um ano e tem se desenvolvido na minha cabeça há alguns meses, mas eu nunca imaginava que isso fosse acontecer. Que o livro fosse fluir e simplesmente acontecer tão incrivelmente que eu fosse conseguir 50 mil palavras em 14 dias. Em duas semanas. Através de dias ruins e apesar de estar tendo aulas. Acho que você tem que ser escritor para entender o nível da satisfação, o nível da felicidade, o nível da adrenalina. Eu ainda estou um pouco longe de terminar o livro e estou estimando mais 25k, mas eu ainda tenho uma outra metade do mês e ainda assim eu venci o NaNoWriMo. QUEM VENCE O NANOWRIMO COM UMA HISTÓRIA QUE AMA COMPLETAMENTE EM 14 DIAS? Aparentemente eu.
Eu não posso deixar de agradecer às meninas do Twitter por isso também. Uma das melhores partes do NaNoWriMo é que você se conecta com pessoas que estão fazendo a mesma loucura que você e torcendo para ir bem nisso. Em 2013, eu conheci a tatii que tem sido bastante importante para mim desde então - aliás, eu nem acredito que a gente se conhece há dois anos. Ela também tem me ajudado e apoiado bastante neste NaNoWriMo e certeza de que será nos próximos também. Além disso, tem as meninas que eu conheci este ano, como a Gih, a Isadora, a Lais e a Juliana que têm me apoiado bastante. E não esqueçamos a Annie, que eu conheci fora do NaNoWriMo, mas está participando pela primeira vez este ano. Além do pessoal da faculdade, que vive perguntando como eu estou indo e especialmente Bárbara e Caren que vão acabar me matando se eu não publicar alguma coisa logo. Vocês todas nem percebem que me motivam ainda mais e são grande parte desses 50k em pouco tempo. Isso aqui é só para agradecer um pouquinho, no fim do mês eu prometo escrever um parágrafo bem maior agradecendo por tudo e incluindo até quem eu to conhecendo ainda. Vocês são demais.
Para fechar o post, eu queria apenas deixar aqui algo que eu devia ter deixado semana passada, para quem não é meu amigo no Facebook. Eu postei um trechinho do livro no começo do mês que basicamente resume a relação entre minhas personagens principais. Espero que vocês gostem:

"Nós decidimos em um pacto silencioso que apoiaríamos e protegeríamos uma a outra independente do que acontecesse, já...

G.

P.S.: Eu só queria informar que dia 18 é aniversário da personagem principal de Mais Uma Vez, Heather. E o único motivo para eu estar informando isso desde já é que nos últimos dois anos eu esqueci disso! Feliz 21 anos adiantando, Heather. Juro que não vou esquecer dessa vez.

You May Also Like

10 comentários

  1. Oi G!
    Eu acho, sinceramente, que fiquei tão empolgada quanto tu quando vi no twitter. Tu tá certa, sabemos exatamente o quanto isso é importante para nós, escritores.
    Quero falar novamente: PARABÉNS!
    ALdR te deixou tão extasiada que por horas eu só queria falar disso contigo, por tu estar colocando todo seu coração neste livro. Eu estou tão feliz, e estou pegando tu de exemplo para conseguir terminar o nano.
    Obrigada por me citar, e obrigada por acreditar em mim, tu é o motivo principal por eu acreditar na minha escrita e acreditar que consigo fazer uma loucura dessas. Tu é minha inspiração e eu nem ligo de admitir isso.
    E novamente: PARABÉNS!!!
    Que venha o final desse livro, e que venha tu me mandando, em?! UHDUASHD
    Beijos,
    Annie<3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OOOOi, meu amor!
      Obrigada, mulher. Saiba que eu também to louca pra só ficar falando desse livro, por bastante tempo. Eu queria terminar ele pra todo mundo ler e ficar falando dele comigo e até me xingando pelo que acontece nele. Enfim.
      Você me deixa tão feliz dizendo que eu te inspiro, de verdade. Você é uma escritora incrível e eu mal vejo a hora de ler tudo que você já escreveu e ainda vai escrever. Maravilhosa<3
      Obrigada por tudo.

      Excluir
  2. oi g!
    acho q foi bem comprovado por todo mundo que a segunda semana do nanowrimo consegue ser bem pesado. do tipo beeem pesado mesmo. mas acho que você conseguiu manter o ritmo, se fosse eu nem teria escrito nada só pq eu já tinha batido 37k - pq eu consigo ser a pessoa mais procrastinadora da vida.
    eu acho que no processo de criação de um romance, você precisa conhecer os seus personagens, por isso eu faço um histórico todo deles do tipo a vida toda deles junto com partes super desnecessárias, mas eu gosto de conhecer e ver que ele é mais do que um personagem da história, que ele tem uma vida além daquelas 300 páginas. acho que entendo quando você diz que escreveu a cena, mas tem certeza de que vai apagar, a gente precisa escrever o que precisa na hora e o que faz bem, às vezes é um pouco desnecessário para o leitor, mas faz toda a diferença para a gente.
    fiquei tão feliz quando vi o seu tweet de 50k e eu acho mesmo que você não deve ser modesta nessa hora, tem que comemorar mesmo, tem que se achar o máximo mesmo! a gente espera tanto por esse momento e tem horas que fala 'não vou conseguir' e horas que 'agora vai pq to arrassando!' e quando a gente tá mesmo conseguindo, a gente surta e se acha realmente a melhor pessoa do mundo!
    esse ano a gente se preparou bastante para esse nanowrimo e coisas maravilhosas estão saindo dele. você merece esses 50k e os outros 25k que estão chegando, você merece todo o sucesso que vai chegar com a conclusão desse livro e todas as outras coisas que vierem junto com tudo isso. algumas pessoas podem não entender o que a gente faz nesse mês, pode parecer uma brincadeira para eles, mas o nano me dá esperança mais do que qualquer outra coisa, porque nós sabemos do sucesso q as pessoas tem quando participam deles - e não só sucesso de bestseller, mas sucesso de conseguir terminar uma história q pode estar na sua cabeça meses.
    o nanowrimo faz toda a diferença e a prova disso também são as pessoas maravilhosas que a gente conhece nesse mês. agora pausa... COMO ASSIM A GENTE SE CONHECE FAZ DOIS ANOS?! eu lembrei disso antes do nanowrimo começar e fiquei meudeus como isso acontece?! chorei quando li o que você escreveu ali, muito obrigada. g, você também tem sido muito importante para mim e não só com o nanowrimo, mas tudo. você é uma das poucas pessoas que eu sei que posso contar para qualquer coisa mesmo estando tão longe - ainda bem que existe a internet! eu fico muito feliz em fazer parte de tudo isso e de tudo que ainda vai acontecer na sua vida e eu espero que você também esteja comigo nas coisas que vão acontecer na minha. é uma amizade que o nanowrimo juntou e eu espero nunca mais separar.

    beijos, tatii alves

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi tatii,
      A segunda semana é de longe a parte mais louca do NaNoWriMo inteiro. Acho que eu realmente só escrevi isso tudo porque eu não paro de pensar que o livro vai ficar enorme e eu não posso ficar com nada acumulado em dezembro. Ainda bem que a história tá fluindo ou eu ficaria louca.
      Fico feliz por você me entender. Eu fiquei pensando muito se era uma boa ideia escrever uma cena que era meio "sem saída", mas eu não conseguia tirar ela da cabeça e era o que eu precisava escrever no momento, então me deixou feliz ter escrito.
      AWWW, eu estou meio cheia de sentimentos por isso. Eu nunca esperaria chegar a 50 mil tão rápido e estou tão orgulhosa de mim mesma por ter conseguido. Realmente me sentindo a melhor pessoa do mundo hahaha
      Obrigada, obrigada, obrigada<3 Eu espero que tudo saia como eu estou torcendo para sair e que realmente muito sucesso venha desse livro (mesmo que em pequena escala, apenas sendo muito querido pelas pessoas que estão torcendo por ele). O NaNoWriMo é muito importante para nós, cada parte dele é de uma ajuda inacreditável. Ainda bem que ele existe.
      E as pessoas, meu Deus. Eu nem gosto de pessoas, mas as pessoas do NaNoWriMo são<3 <3 E SIMMMMM, 2 ANOS! EU AINDA ESTOU CHOCADA. Você também é assim para mim, tatii, tem sido indispensável nesses últimos dois anos e sei que ainda vai ser por muito tempo. Mal vejo a hora de te conhecer e te assustar, mostrando que sou tão louca ao vivo quanto na internet (talvez até pior)<3 Nossa amizade é a prova de que muitas coisas maravilhosas vêm do NaNoWriMo.

      Beijos<3

      Excluir
  3. AI MEU DEUS EU TÔ MUITO FELIZ POR TI, CÊ NÃO FAZ IDEIA!
    EU NÃO CREIO QUE PERDI ESSE MOMENTO DE VOCÊ CHEGANDO AOS 50K NO TT ONTEM
    PARABÉNS PARABÉNS PARABÉNS
    Eu nem sei mais o que falar porque nem sei se tem mais o que falar pqp 50K É MUITA COISA!
    Fico muito feliz de ter te encontrado durante esse NaNo também, apesar de eu já ter meio que desistido, você me deu muita força pra eu continuar com Híbridos <3 quem sabe um dia eu não escrevo um post desse te agradecendo? Na verdade já fiz, foi o meu de anteontem, mas não porque cheguei aos 50K, então deixa.
    MAS SÉRIO PARABÉNS!
    TÔ ORGULHOSA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OBRIGAAADAAA<3
      Eu ainda estou meio assustada porque realmente é muita coisa. MAS TO TÃO FELIZ<3
      Não desiste, mesmo que você já tenha visto que não vai dar pra atingir a meta este mês. Estabelece uma meta menor se for preciso e não desiste da ideia, não desiste dos personagens maravilhosos<3 Se precisar de apoio e de alguém para incentivar, eu estou no Twitter o tempo todo, mas o tempo todo mesmo hahaha
      Eu vi seu post e já já vou lá comentar.
      OBRIGADA, OBRIGADA, OBRIGADA<3

      Excluir
  4. GIULIAAAA, PARABÉNS, ARRASOU!!
    Caramba, 50k de palavras, isso é muita coisa mesmo. Ou seja, seu desempenho foi incrível, já que as 50 mil palavras que eram pra ser escritas em um prazo de um mês foram escritas em metade do estipulado. Desejo que você consiga manter esse desempenho na escrita do restante do livro, mas convenhamos você já tem 50 mil palavras. Parabéns, você foi muito bem mesmo, apesar de tudo que ocorreu com você essa semana, você conseguiu (tem tantos "você" em uma frase só kkkk)!
    Beijão e parabéns de novo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI DANY, OBRIGADA<3
      Ainda nem sei direito como eu consegui, mas estou tão feliz por esse objetivo. Espero realmente conseguir manter isso e realmente termine o livro este mês. Estou bem animada com essa história.
      Beijo e obrigada outra vez<3

      Excluir
  5. EHHHHHHH olha eu aqui, pronto já bati meu ponto, posso dormir em paz huashuahus <3 olha aqui querida, só observo você aí se matando para escrever esse seu novo livrinho (ansiosa já estou eu) e eu aqui esperando MUV ... Já deve fazer uns dois meses que eu não escrevo nada T-T quando tenho tempo não tenho inspiração e vice-versa, saudades dos meus personagens. Por que nós nos apegamos tanto aos personagens? Anyways, parabéns por ter conseguido escrever tudo isso, mas cuide de sua saúde física e mental viu mocinha bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi melhor pessoa<3
      Prometo pra você que eu volto com tudo a MUV assim que o NaNoWriMo acabar - se eu não ficar com ressaca criativa né, mas aí assim que ela acabar eu to de volta.
      Mulher, você está quase sem tempo pra nada, mas imagino as saudades dos personagens :( Não sei porque se apegar acontece.
      Obrigada, baby e pode deixar<3

      Excluir